• Criai Paraná

Criai quer solução do INSS para mais um caso de criança que teve benefício cortado



A Comissão de Defesa dos Direitos da Criança, do Adolescente, do Idoso e da Pessoa com Deficiência (Criai) da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) vem recebendo denúncias acerca da suspensão dos benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em nosso Estado. Por conta disso, o deputado estadual Cobra Repórter (PSD), presidente da Criai, exigiu explicações do INSS na tentativa de resolver o quanto antes o problema.


A última denúncia recebida foi da família do pequeno João Henrique Amaral de Morais, de 9 anos, portador de Hemofilia B. Ele teve seu benefício do INSS suspenso sem justificativa. Por sua vez, o pai da criança, João Pinto de Morais, está em tratamento de câncer e está desesperado. Além de tudo isso, a mãe é deficiente visual, agravando ainda mais a situação da família. O pai contou que, mesmo apresentando recurso junto ao INSS há aproximadamente 30 dias, até agora, não teve o benefício do filho restabelecido.

“Em alguns casos, temos percebido que as denúncias recebidas pela Criai estão relacionadas aos atendimentos pelos servidores do INSS que desconhecem a legislação vigente a respeito do pagamento dos benefícios. Isso tem gerado informações desconexas e infundadas, gerado prejuízo aos beneficiários, que, por sua vez, estão com o benefício suspenso e dependem da agilidade da administração pública e encontram obstáculo com o mal atendimento”, explicou o deputado Cobra Repórter.


A Criai enviou um ofício solicitando à gerência executiva do INSS que determine a apuração necessária para verificação da conduta da agência de Curitiba e demais possíveis agentes envolvidos. Por isso, também foi agendada uma reunião com o gerente executivo do INSS, na próxima segunda-feira (12), às 14h, na sede em Curitiba. Esta é mais uma das ações da Criai na defesa dos direitos dos cidadãos!

0 visualização
BOTAO DO PANICO.png

Criai Paraná 2019 | Todos os direitos reservados.

  • Facebook