• Criai Paraná

Criai solicita informações sobre o caso de adolescente que escondeu recém-nascido em guarda-roupas



O deputado estadual Cobra Repórter (PSD), presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Criança, do Adolescente, do Idoso e da Pessoa com Deficiência (Criai) da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep), enviou, nesta quarta-feira (10), um ofício para o Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítimas de Crimes (Nucria) de Curitiba solicitando informações e rigor nas investigações do caso em que uma adolescente de 14 anos escondeu um recém-nascido em um guarda-roupas; o bebê pode ter morrido por asfixia.


O recém-nascido foi encontrado morto no quarto da adolescente em São José dos Pinhais, na tarde desta segunda-feira (08). A garota estaria escondendo a gravidez.


Segundo a polícia, a adolescente teve a criança no domingo (07), colocou o bebê em uma mochila e escondeu no guarda-roupas. Ela contou o ocorrido para uma colega de escola, que revelou a situação para uma professora. Imediatamente, a professora acionou a Patrulha Escolar Comunitária.


O Instituto Médico Legal (IML) recolheu o corpo do bebê e a causa da morte pode ser asfixia. A adolescente será ouvida na Delegacia de São José dos Pinhais.

2 visualizações0 comentário
BOTAO DO PANICO.png